Como Melhorar a Taxa de Cliques dos Emails

Por | outubro 15, 2017
Como Melhorar a Taxa de Cliques dos Emails

Hoje você vai aprender comigo a como melhorar a taxa de cliques dos emails de suas campanhas com uma técnica de email marketing.

Então, se você é daqueles que reclamam do fraco desempenho das suas campanhas de e-mails, esse artigo é para você.

Veja os prints abaixo:

taxa-de-aberturataxa-de-cliques

Repare que, no comparativo entre as duas campanhas de e-mail, a diferença entre as taxas de abertura e cliques ultrapassa os 100%, ou seja, mais do que o dobro de resultado.

E qual é a mágica?

Na verdade não existe mágica de como melhorar a taxa de cliques dos emails. O que eu faço e vou te ensinar é uma técnica de qualificação dos seus leads. Vamos entender isso do início:

Você planeja iniciar uma campanha para promover o lançamento de algum parceiro ou um lançamento seu mesmo.

De cara, você já deve saber que existirão 2 tipos de pessoas que vão receber os seus e-mails de campanha:

  1. Os que vão se interessar pelo conteúdo/mensagem da sua campanha
  2. Os que não irão se interessar pela sua conteúdo/mensagem de campanha

Ok. Digamos que você planeje disparar 5 e-mails durante essa campanha.

Todos com o mesmo objetivo: promover o lançamento em questão.

As pessoas do grupo 1 tenderão a abrir a maior parte das mensagens, afinal estão verdadeiramente interessadas.

Já o grupo 2 certamente irá ignorar 90% dos seus e-mails. Afinal ele não se interessou pela mensagem da campanha.

Aí eu te pergunto:

Você acha que vale a pena continuar a enviar os e-mails da campanha para o grupo 2? Não seria mais produtivo focar no grupo 1? 

Foco no Resultado

Seria prudente deixarmos o grupo 2 em paz e investir no grupo 1, afinal a maior parte do seu resultado de campanha virá deste grupo.

Sem falar que, fazendo isso, você não vai chatear aquelas pessoas, afinal é natural que seus leads não se interessem por TUDO que você vai falar.

Então seria meio chato pra ele ter que ficar recebendo e-mails seus de algo que ele não tem o menor interesse.

Eu sei que mandar e-mails pra todos da sua lista é super tentador e tal, afinal, temos a cisma que sempre vai ter um doido neste grupo 2 que pode decidir comprar.

Isso é tentador pra mim também. Mas não vale a pena colocar em risco a confiança da sua lista por causa de uma remota possibilidade de compra que possa existir no grupo 2.

Bem, dito isso, fica a questão:

Como é que se identifica esses 2 grupos dentro da minha lista?

Como Melhorar a Taxa de Cliques dos Emails

pulo_do_gato

Há, aqui está o pulo do gato.

Você vai identificá-los a partir do disparo do seu primeiro e-mail de campanha.

Neste e-mail, é comum a gente introduzir uma história, explicar o porquê você vai fazer esse tipo de lançamento e o que a pessoa vai ganhar participando da campanha:

  • receber vídeos grátis
  • benefícios do produto que será vendido
  • etc

E nesta hora que você irá fazer a separação do joio e do trigo.

Essa separação é feita através da segmentação da sua lista.

Tudo o que você precisa fazer é colocar uma tag em todas as pessoas que clicaram no link presente na sua mensagem (que leva para maiores informações sobre o que está sendo promovido).

Essa marcação pode ser feita facilmente em qualquer sistema de e-mail marketing de qualidade, como Klickmail, LeadLovers, Active Campagn, infusion…

Tem um autoresponder mas não está sabendo usar  a ferramenta?

Conheça o o DigFlix, o QG do empreendedor digital e além de tutoriais práticos sobre autoresponders, você acessa estratégias atualizadas e novas técnicas todo mês!

Clique aqui para conhecer [DigFlix]

Com a segmentação realizada, você deverá enviar as próximas mensagens da campanha SOMENTE para este grupo de pessoas que estão nesta seleção, que são as pessoas do grupo 1.

A lógica por trás dessa técnica é:

se a pessoa clicou no seu link, é porque ela leu o que você escreveu e se interessou.

Você tem como melhorar a taxa de cliques dos emails QUALIFICANDO a sua audiência para a campanha que vai promover.

Então todas essas pessoas irão comprar o produto?

Não. Aliás, se um dia você conseguir fazer com que TODAS as pessoas da sua lista comprem em um lançamento seu, por favor me liga que eu quero aprender contigo. 😉

Nem todos irão comprar, mas certamente as suas chances de realizar vendas DOBRAM porque você estará focando no seu grupo de leads mais quentes e interessados.

E isso vai refletir IMEDIATAMENTE nos resultados das taxas de aberturas e cliques da suas mensagens.

Afinal, se existe um real interesse dessas pessoas, e você limitou o envio dos e-mails somente para elas, então os resultados serão muito melhores.

Faça um teste na sua lista. Não importa se ela é grande ou pequena.

Faça esse teste e deleite-se com o salto em performance que as suas taxas de aberturas e cliques darão bem diante dos seus olhos.

Se você gostou deste artigo e quer deixar seu comentário ou resultados da aplicação desta técnica, por favor use a zona de comentários aqui embaixo do artigo.

Se você quiser aprender mais detalhes sobre segmentação, chamadas pra ação para aumentar conversões, técnicas de retenção da atenção dos seus leitores e sobre conteúdo épico para o seu email…

… então recomendo que você dê uma olhada agora mesmo no treinamento Email Marketing Essencial.

Um treinamento simples, direto ao ponto e feito para empreendedores digitais (produtores e afiliados.

Clique aqui e saiba mais.

Resumo
Como Melhorar a Taxa de Cliques dos Emails
Título do Artigo
Como Melhorar a Taxa de Cliques dos Emails
Descrição
Aprenda como melhorar a taxa de cliques dos emails usando uma técnica simples. Você precisa vender para clientes usando emails? Então esse artigo é pra você
Autor
Nome do Editor
Nerd Rico
Logo do Editor

17 comentários em “Como Melhorar a Taxa de Cliques dos Emails

  1. Jobson de Barros

    Olá, Rafael.
    Este email é muito significativo, pois indica um “corte na carne”, isto é, desconsiderar de vez as leads que não abrem nossos emails.
    Já havia pensado nisso, mas cadê coragem ? Como você disse, sempre há a esperança de aqueles unzinhos que não abriram emails anteriores vão abrir os novos envios….
    A verdade é que a razão é sua: limpar a lista e tratar melhor o que ficar, dando mais atenção e, sempre, retirar novos inativos…
    Abraços
    Jobson de Barros

    1. Rafael Autor do Artigo

      Jobson, quase isso. Só pra esclarecer: eu não sugeri no artigo que vocês desconsiderem de vez os leads que nunca abrem os e-mails. Até porque isso é difícil de saber. O cara pode abrir um e não abrir outro e por aí vai.

      O que eu sugeri é que você ignore DURANTE uma campanha específica aqueles leads que já demonstraram não ter interesse em ouvir sobre o assunto de campanha.

      É bem possível que esses mesmos que não se interessaram por essa campanha, possam ser muito interessados numa outra que você faça, por isso você não deve deletá-los sumariamente de sua lista. 🙂

  2. Danilo Soares

    Excelente Rafael .. outro lado bom dessa técnica é que ajuda a diminuir a taxa de descadastramento pois uma pessoa ao receber 5 e-mails(exemplo do artigo) que ela nao considera relevante pode se descadastrar.

  3. Fábio Lopes da Silva

    Olá Rafael,

    Muito bom o seu artigo, com um foco em quem está realmente interessado na nossa oferta consegue-se obter melhores resultados e também mais vendas. Outro ponto importante é ter um serviço de e-mail marketing eficiente, pois do contrário nossas mensagens correm o risco de não chegar aos leitores.

    Obrigado por compartilhar essas dicas! Grande abraço e sucesso sempre!

  4. Mario

    Desculpa, ou eu não entendi ou se entendi não concordo.
    Vamos imaginar que eu tenho uma campanha com 10.000 pessoas na minha lista, vamos supor também que 50% são pessoas interessadas, ou seja, pessoas que clicam nos links, que gostam dos gosta do conteúdos, etc…
    Em quanto isso o outro grupo dos 50% dificilmente fazem alguma ação.
    A questão é: independente de estarem juntos ou separados os 50% ativos vão sempre clicar e independente de juntos e separados os outros 50% dificilmente vão clicar em algum link.
    A única vantagem é que terá uma campanha mais limpa, E o outro problema seria ser denunciado como span, se colocar, não em letras minúsculas no rodapé, mas sim no meio do conteúdo que se clicando nesse link você será removidao… Dificilmente haverá alguma denúncia.
    Esse é meu ponto de vista e parabéns, adoro e muito seus e-mails.

    1. Rafael Autor do Artigo

      Oi Mário, obrigado pelo comentário. Pra ser sincero, eu não entendi bem o seu ponto de vista. Será que você entendeu a mesma coisa que o Jobson? Se for, dá uma olhada no comentário dele e na minha resposta. Talvez eu tenha que atualizar esse artigo para ficar mais claro. Mas se não for a mesma questão do Jobson, então, Mário, por favor explique melhor aqui pra gente debater. Abraço

  5. Tabata

    Gostei! logo estarei usando o klickmail e será bem mais interessante ver uma taxa maior de abertura aplicando essa tecnica, é motivador vc ver sua taxa de abertura maior.

  6. clodovaldo paiva

    Gostei muito do seu artigo Nerd Rico. como seria uma sequencia de e-mails para a minha lista meu parceira

  7. Daniel Darezzo

    Muito bom o post.
    A maioria dos empreendedores falam que já tiveram esta idéia quando na verdade, enquanto uma ideia ainda esta dentro de sua cabeça os seus resultados continuam nas hipóteses. 🙂

    Parabéns pelo post

  8. Vinicius Cardoso

    Cara conheci seu blog ontem e já me cadastrei na sua lista para receber seus conteúdos… A forma como você esntrega e escreve seus posts são muito bons, parabéns!!! Estou muito feliz em poder te acompanhar. Um forte Abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *