Como Ganhar de R$ 100 a R$ 1000 por Dia com Licenciamento de Produtos Digitais

Por | março 9, 2020
Licenciamento de Produtos

Em outros artigos, já eu falei sobre alguns tipos lucrativos de negócios na internet. Um deles é pouco conhecido no Brasil, e por isso pode ser uma grande oportunidade para você: licenciamento de produtos digitais.

Licenciamento é quando você adquire direitos sobre algo.

No cinema e TV, por exemplo, é quando você tem direitos de exploração de imagem, de algum livro, roteiro original ou marcas (de jogadores, artistas ou corporações).

Normalmente você precisa pagar toda vez que explora essa licença comercialmente.

No mundo digital, existe uma versão muito interessante desse negócio, que são licenças de produtos PRONTOS, que você paga uma vez e tem direito de revendê-lo e ficar com 100% do lucro. E explorar pra sempre aquela marca.

E o melhor, em se tratando de um produto 100% digital (e não físico), muitas das vezes você ainda recebe no pacote da licença, TODO o material de marketing PRONTO pra uso.

Ou seja, pra montar o seu negócio neste mercado, você não precisa criar um produto e nem ficar perdendo tempo criando copy de venda, sequências de emails, páginas de capturas, estudando dores e desejos de persona…

Já está tudo pronto pra você.

Legal, né?

Mas calma que nem tudo são flores…

Normalmente esses produtos estão em inglês.

E você nao vai poder simplesmente copiar e colar pra ganhar dinheiro.

Será preciso buscar um cara que adapte e traduza esse material pra você começar a vender.

Mas convenhamos: é muito mais fácil e rápido adaptar algo prontinho do que levar meses e meses criando tudo do zero, como normalmente fazemos.

Este é um mercado que eu não domino, mas estou muito interessado. 

Por isso recomendo que você acompanhe o próximo workshop O PRÓXIMO GRANDE SALTO, do Romualdo Cronemberger e da Cris Franklin

Eles estão estão falando justamente isso e possuem um método pronto, rodando e gerando resultados, para colocar qualquer novo negócio, com base em licenciamento, em 21 dias no mercado.

Esse método está sendo chamado de DIGITAL SEM BARREIRAS

Caso queira acompanhar também, segue o link:

https://nerdrico.com.br/dsb

Depois que você entender esse método, vai pintar uma dúvida: como você pode traduzir em poucos dias todo o produto mesmo sem você entender de inglês?

Traduzindo Produtos Mesmo sem Dominar o Inglês

Já falamos de como é fácil, nos dias hoje, você licenciar um produto digital, 100% pronto e com o marketing todo criado pra você.

Basta compra a licença e por pra rodar.

Agora eu quero te mostrar como é fácil você fazer a adaptação desses produtos, mesmo que ele esteja todo em inglês e você só saiba falar “The book is on the Table”.

E mesmo pra quem domina o inglês, eu não acho que valha a pena perder o seu tempo pra traduzir tudo sozinho. Você agora é um investidor, e precisa pensar como um. 

Deve ocupar o seu tempo pensando em estratégias ou pesquisando novos investimentos. E não fazendo coisas operacionais que qualquer outra pessoa poderia fazer em seu lugar.

E a minha dica pra que você consiga ótimos tradutores para seus próximos produtos, são os sites de freelancers. Esses sites são meus queridinhos.

Uso pra arrumar programadores, designers, copywriters etc.

Vou te indicar 3 excelentes sites pra você pesquisar por tradutores.

Mas antes, deixa eu dar algumas dicas do que você deve estar atento para não contratar gato por lebre:

  1. Evite contratar usuários novos.
    Normalmente esses caras possuem o melhor preço, justamente para poder conseguir clientes rápidos e montar portfofio e bons depoimentos.
    Mas é um risco. Voce nao tem como saber se o cara é bom mesmo ou um cara que faz um trabalho duvidoso.
  2. Olhe sempre o seu portfofio.
    O cara pode ser muito bom para uma coisa mas nao ser muito bom em outra. E isso você consegue identificar olhando seu portfolio.

    Exemplo: você busca um tradutor de inglês para português para traduzir um curso de culinária. Ai voce encontra um cara com grande portfolio, mas tudo que ele fez foi traduzir trabalhos acadêmicos.

    Nunca pegou um trabalho que exigia uma adaptação para um outro tipo de cultura, como por exemplo a tradução de um livro de finanças ou auto-ajuda etc.
  3. Olhe sempre suas qualificações.
    Sempre escolha tradutores com no mínimo 10 trabalhos realizados e com pontuação acima de 90% de satisfação. Pois assim você garante que ele é um cara bom e responsável.

    Muitas das vezes, conseguimos identificar se o cara é pontual e se é atencioso nos depoimentos dos seus clientes.

Vou te indicar 3 sites que eu uso e sempre encontro ótimos profissionais:

Fiverr

Freelancer

Workana

Todos são gratuitos. Ele só vai cobrar um percentual QUANDO você contratar alguém.

E para saber mais sobre esse mundo do licenciamento e como que os pioneiros deste mercado no Brasil já estão faturando de R$ 100 a R$ 1000 por dia com esse método, dê uma olhada no programa Digital Sem Barreiras, do Romualdo e da Cris Franklin.

Acesse:

https://nerdrico.com.br/dsb

31 comentários em “Como Ganhar de R$ 100 a R$ 1000 por Dia com Licenciamento de Produtos Digitais

  1. SMS Hoje

    Muito obrigado pelo vídeo! Excelente conteúdo. Estou montando um portal e uma de suas ferramentas será o licenciamento digital de produtos. Ganhei meu dia!

          1. Rafael Cruz Autor do Artigo

            Oi Gustavo. Então escolha um segmento, faz um curso para aprender uma estratégia e táticas para vender e ganhar dinheiro. Abraço!

    1. Rafael Cruz Autor do Artigo

      Obrigado José! Isso depende do que você vai traduzir. Recentemente contratei um freelancer para traduzir uma página de vendas. Paguei R$ 30. Mas esses caras também traduzem ebooks etc. Então depende do que você vai pedir pra ele.

  2. Carolina Vollmer

    Teu blog e muito bom! Parabéns pelo conteudo. Emque plataformas e possível encontrar esses produtos?

  3. Nadine Duarte

    Ola Rafael, estou acompnahando o lançamento da Cris Franklin tambem, mas não me responderam a minha duvida.
    Qto em media eu gastaria no total para comprar o produto digital, traduzir e lançar?
    O Curso dela DSB não diz isso, e já vi reclamações no site “Reclame Aqui’ por falta de suporte no pós venda.
    Te agradeço se puder me esclarecer.

    Att.

    1. Rafael Cruz Autor do Artigo

      Oi Nadine, tudo bem?

      Olha, a licença varia, tá? Mas você pode conseguir licenças de 30 dólares, por exemplo. Se nao tiver muita grana agora, pode começar com esses mais baratos. Depois precisa traduzir. Normalmente freelancers de tradução são bem baratos. Voce pode conseguir traduzir tudo entre R$ 150 a R$ 400. Depois investir em tráfego. Recomendo começar com pouco dinheiro, pra validar publico e ter as primeiras métricas. Resumindo: Voce vai investir mais ou menos uns R$ 1000 / R$ 1500 pra lançar o produto e já ter resultado. Com a grana entrando, você vai investindo mais em tráfego. Se tiver mais dúvidas, pode me responder aqui, tá? Recomendo que compre, pq vale muito a pena!

  4. Thaís

    Ola .. será que tem como me indicar um site pra licenciar produtos .. me ajudaria muito ..já procurei e nada ..e não consegui participar das aulas da Cris ..por favor eu agradeceria muito mesmo

  5. Léia Soares

    Oie,muito obrigada ,aprendi muita coisa hoje! Mas me tira uma dúvida. Mais ou menos quanto custa o trabalho de tradução??

    1. Rafael Cruz Autor do Artigo

      Oi Léia, fico feliz que meu artigo te esclareceu e ensinou coisas novas! Respondendo à sua pergunta: Normalmente o profissional cobra por hora. A média de um profissional mediano é de R$ 20. Se quiser um cara mais qualificado, fica uns R$ 35 a R$ 40 a hora. O custo total do trabalho vai depender do que você vai pedir pra ele: se for a tradução de uma página de captura, ele pode gastar 1h ou 2h. Se for a tradução de um ebook de dezenas de páginas, ele pode gastar várias horas. Mas com o preço base por hora, você já consegue ter uma noção.

  6. Giovanna

    BOA NOITE RAFAEL
    MUITO BOAS AS SUAS INFORMAÇÕES. TENHO UMA DÚVIDA: NO CASO DE EU ESCOLHER UM PRODUTO FÍSICO OU SEJA, NÃO DIGITAL, COMO É FEITA A ENTREGA DESSES PRODUTOS AQUI NO BRASIL ? ESSA ENTREGA FICA A CARGO DO LICENCIADOR OU DO LICENCIADO ?? OBRIGADA

    1. Rafael Cruz Autor do Artigo

      Boa noite! Olha, esse método é destinado para produtos digitais. Não creio que valha a pena fazer isso com produtos físicos, porque aí é outro patamar de investimento.

  7. keyla Greco Cronemberger

    Bom dia Rafael,
    E como achar os compradores para esse produto digital? Como arranjar o tráfego? esse é o grande problema desses cursos de Marketing Digital.

    1. Rafael Cruz Autor do Artigo

      Oi Keyla, não existe problema. Cada curso entrega o que promete. O Digital Sem Barreiras não é um curso de tráfego. Embora esse seja o menor das dificuldades desse método, uma vez que você já tenha tudo pronto. Eu mesmo me coloco a disposição pra te dar algumas orientações de como promover o seu produto licenciado, desde que vire aluna do curso.

  8. Josilane

    Oi Rafael, nossa vc explica muito bem,consegui aprender muito com vc,também estoum querendo começar meu negócio. Muito obrigado pelas dicas.

  9. Alex

    Boa noite Rafael,
    Você poderia me ajudar por favor?
    Comprei o curso DSB mas estou com dúvidas e não consigo contato com o suporte.
    Depois de comprado o e-book, fiquei preocupado com a questão de pirataria. o que me garante que vou vender e a pessoa que comprar não vai revender e lucrar com isso? tem formas de eu proteger meu e-book sendo PLR…
    outra dúvida, posso customizar com fotos que eu conseguir no google? isso não infringi a questão de direitos autorais de imagem? como me precaver dessas coisas?
    Achei complicada a questão de direitos do e-book, me parece muito fácil para cair em pirataria ou estou errado?

    Fico grato pela ajuda.
    obrigado, boa noite

    1. Rafael Cruz Autor do Artigo

      Mas sobre a sua preocupação, cara, desculpe, mas esse risco acontece até se você mesmo for produtor do seu próprio produto. Infelizmente não estamos livre dos criminosos. Eu mesmo já encontrei produtos meus à venda no mercado Livre. Eu, sendo o produtor. Acontece. Mas não foque isso. Se você deixar de fazer coisas pelos riscos que elas trazem, você nunca fará nada. Nem sair nas ruas, pois tem risco de morrer num acidente, saca? Foque na abundância e não na escassez. Foque naqueles que comprarão o seu produto e não naqueles que te roubarão.

  10. Alex

    Boa tarde Rafael, Tudo bem?
    Preciso de uma ajuda. Há maneiras de me precaver, no que diz respeito a pirataria em e-books?
    Pois, fiquei pensando, licenciamos um e-book mas quando outra pessoa compra o material, perdemos meio que o controle, o mesmo fiquei pensando sobre direito de imagens que estão no google. Se precisarmos customizar um e-book, como posso me precaver a respeito dessa parte de direitos autorais?

    Você tem alguma dica que possa me ajudar com isso?
    fico muito grato se puder me esclarecer esta situação, mesmo que não seja postado no blogger, se vc pode me encaminhar a resposta por e-mail, por favor.

    obrigado,
    Alex

  11. Ale

    Você mencionou, mas não explicou como licenciar os produtos digitais. Como fazer? Qual o processo para estar 100% conforme a lei? Como saber que o ebook em questão pode ser licenciado? Onde eu vejo esses detalhes legalmente?

    Esta cheio de gente pedindo tradução em sites freelancer… isso é ilegal !!!! E se tem gente incentivando isso…essa Cris…

    1. Rafael Cruz Autor do Artigo

      Ale, sua preocupação é bem pertinente. No caso de licenciamento de produtos digitais, obviamente você não vai ROUBAR um produto e sair traduzindo. Isso não é licenciamento. É PLÁGIO. O licenciamento é quando você tem autorização do produtor pra vender o produto como se fosse seu. Ele te vende a licença e a estrutura para tal. É um negócio muito comum nos EUA. E existem marketplaces que vendem licenças. Então fica tranquilo porque é tudo dentro da lei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *