Etapas na implatação do e-mail marketing

Por | outubro 22, 2017

Muitos empreendedores optam por terceirizar a implantação do processo de e-mail marketing, mas se levarmos em conta os custos desse serviço e que os seus clientes são o seu maior patrimônio, seria bom considerar aprender todo o processo, para ter controle total de cada etapa.

5 etapas para a implantação do e-mail marketing

1 – Montagem da infra-estrutura
A primeira etapa para a implantação é a criação dos formulários de entrada de dados no site para cadastrar os endereços de e-mail fornecidos, preparar produtos ou recompensas como atrativo para seus clientes deixarem o endereço e, o mais importante, adquirir um bom e-mail software.

2 – Montagem das listas de emails
Na América, é comum empresas que fornecem listas de e-mail opt-in. Aqui também existem, mas não são tão comuns e não dá pra confiar se realmente trata-se de uma lista autorizada. O recomendável qué que você construa o seu próprio mailing, com os endereços de seus clientes e visitantes do seu site. Anúncios em alguma newsletter com público semelhante ao seu, são uma boa forma de trazer visitantes que podem também se cadastrar em seu site.

3 – Adquisição/Utilização de software de envio
Esse é um passo importantíssimo com o qual você deve se preocupar e pode optar por comprar um software ou utilizar o de uma empresa especializada. Seja para enviar um e-mail, ou uma dúzia, qualquer programa de correio dá conta do recado, mas de acordo com o crescimento da seu banco de dados, e isso deverá ocorrer, passa a ser fundamental o uso de um bom software. Ele deve ser capaz de enviar rapidamente milhares de e-mails sem problemas, possibilitar a manutenção dos dados sem dificuldades, a inclusão e exclusão automática de assinantes da lista, além de um suporte confiável e atualizações freqüentes. Ou seja não hesite em investir em um software ou serviços de e-mail marketing, pois isso irá otimizar o gerenciamento eficiente do programa e lhe poupar preocupações desnecessários.
4 – Criação de conteúdos de qualidade
Existe a possibilidade da utilização da sua base de dados para se manter conectado com seus clientes comunicando promoções e lançamentos de produtos ou então, enviar uma “newsletter” periódica, com informações na sua área de atuação. Lembrado que no caso da e-mail newsletter, é importante se preocupar com a qualidade da informação. Procure fornecer conteúdo que possa gerar valor para o destinatário.

5 – Fazer acompanhamento do e-mail-marketing
É imprescindível fazer uma avaliação constante de seu programa de e-mail marketing, acompanhar o crescimento de sua lista de e-mails e o retorno em termos de vendas. Não se esqueça de ouvir seus clientes e assinantes. Afinal, eles são a razão da existência de sua empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *